• Dr. Crypto

Enquanto BTC sobe 16%, ações do BB e do Santander caem mais de 12%



Interferência do Governo faz ações do BB e Eletrobrás despencarem no país e, fraco desempenho da economia, leva junto Santander. Enquanto isso, sem relação com o governo, Bitcoin desponta com 16% de valorização em janeiro.


O começo de 2021 não tem sido bom para os investidores que apostaram nas ações de dois dos principais bancos do Brasil, o BB e o Santander, que viram seus papéis cair mais de 12% no mês.


Já quem, ao invés dos bancos, resolveu aplicar seu dinheiro no mercado de criptoativos, viu seu patrimônio subir 16% no mesmo período, já que o Bitcoin 'abriu' o ano negociado a R$ 153.700 e embora tenha superado a marca de R$ 220 mil, fechou janeiro em R$ 182.990.


Segundo Bernardo Pascowitch, fundador do Yubb, o que pode explicar a queda nas ações dos bancos é a incerteza com relação à situação econômica do país.


“O cenário de deterioração fiscal e instabilidade na eleição dos presidentes da Câmara e do Senado acabou prejudicando a confiança dos investidores nas contas públicas do país. Com o descontrole fiscal, os bancos, grandes credores do governo, foram fortemente afetados. Mas esta situação tende a melhorar, agora que os novos representantes dos deputados e do Senado foram eleitos”, disse.

Como analista o especialista esta 'insegurança' no Brasil é sentido no ranking das 10 ações com pior desempenho durante o mês, liderado pela Eletrobras ocupando os dois primeiros lugares, com desvalorização de 22,32%, correspondente ao ticker ELET6, e de 21,76%, no ticker ELET3.


"Em janeiro, as ações da Eletrobras sofreram a consequência da instabilidade da companhia. Há a questão de sua privatização, que está esbarrando em diversas barreiras burocráticas. E essas dificuldades fizeram com que o então presidente da companhia, Wilson Ferreira Júnior, renunciasse no fim do mês", aponta Pascowitch.


Interferência do governo


Assim, enquanto o Bitcoin e as criptomoedas vem sendo apontadas como reserva de valor frente a deterioração de economias nacionais, fragilizadas por decisões políticas nacionais e mesmo interferência de mais de governos na economia, segundo Pascowitch, esta interferência é um dos principais fatores na queda das ações do BB e Eletrobras.


“O presidente do Banco do Brasil anunciou cortes para aumentar a eficiência do banco, e acabou voltando atrás. Na agenda de privatizações, Eletrobrás e Banco do Brasil eram as favoritas do mercado. Mas hoje, a sensação é que essas companhias não serão privatizadas, pelo menos até 2023”.

Outra companhia com capital público que está no ranking de maiores quedas, a COPEL (Companhia Paranaense de Energia), em 5º lugar, sofreu consequências de ações governamentais.


“O Governo do Paraná anunciou medidas de alteração de governança corporativa. Basicamente, visou reduzir a transparência e os direitos de investidores minoritários, e isso não foi bem visto no mercado”, pontua Bernardo.

'Governo em queda', saúde em alta


No entanto, enquanto as empresas que têm relação com governos estão em queda, o grande vencedor do mês, superando inclusive o Bitcoin, é o setor de saúde, liderado pela Intermédica, com alta de mais de 20%.


“As duas maiores valorizações do mês não geraram surpresa: Intermédica e Hapvida anunciaram uma possível fusão em janeiro, o que criaria uma gigante da área de planos de saúde. O mercado gostou bastante e, durante vários pregões, as duas ações tiveram valorizações gigantescas. A operação ainda não foi aprovada pelos conselhos das companhias e precisará passar pelo CADE. Mesmo assim, foi suficiente para animar os investidores”, explica Bernardo.⠀

Em terceiro lugar, e uma das maiores altas de 2020, Weg recebeu algumas recomendações de compras por parte de analistas, além de se beneficiar da alta do dólar em razão de possuir parte de suas receitas dolarizadas. Alguns contratos assinados no mês também animaram os investidores.⠀


“Já em em quarto lugar, a B2W se destacou com alguns movimentos de atualização da empresa: após parte do mercado entender que ela estaria ficando para trás em comparação com outros grandes varejistas, como Magazine Luiza, Via Varejo, Mercado Livre e Amazon, a companhia buscou se modernizar e inovar em gestão e em processos no último mês. Vale destacar que receios em relação às vacinas e possíveis extensões das quarentenas acabam beneficiando as varejistas online, razão pela qual Magazine Luiza também aparece na lista das maiores altas”.⠀

Na análise por setores, Klabin e Suzano foram beneficiados pela alta do dólar e também por reajustes no preço da celulose no mercado chinês.⠀


E o Bitcoin?


Depois de registrar uma máxima histórica em janeiro, perto de US$ 43 mil o preço do Bitcoin recuou e chegou a estar abaixo de US$ 30 mil. Porém, na primeira semana de fevereiro ele ultrapassou US$ 40 mil novamente depois de 23 dias.


No entanto, especialistas apontam que desta vez o sentimento do mercado está muito mais calmo com um mercado de derivativos menos superaquecido.


A combinação de um mercado futuro de Bitcoin menos lotado, a pressão de venda do pico das baleias e uma recuperação rápida poderia ajudar o BTC a se estabilizar acima de US$ 40 mil e com isso pavimentar uma nova alta até US$ 50 mil.


Assim, no curto prazo, para que o Bitcoin mantenha sua estrutura de alta, ele precisa proteger dois níveis de suporte principais: $ 40.000 e $ 37.834. Portanto, alguns traders prevêem que o Bitcoin vai subir além de US$ 60 mil com o ímpeto da alta em curso.


Scott Melker, um corretor de criptomoedas, disse que haverá retrocessos, mas o Bitcoin provavelmente chegará a US $ 63.000 após o rompimento. Ele disse :


“Haverá recuos, quem sabe até para retestar o topo da bandeira como suporte. Mas, tecnicamente, este é um rompimento confirmado que deve levar $ BTC a 63K eventualmente. Isenção de responsabilidade - os padrões raramente alcançam seus alvos, mas as regras são as regras. ”

O Bitcoin tecnicamente saiu da bandeira alta quando ultrapassou $ 38.000 em 4 de fevereiro. Considerando que o Bitcoin está parecendo mais forte do que da última vez que quebrou $ 40.000 há um mês, há impulso suficiente para ultrapassá-lo além de $ 50.000 desta vez.


Um potencial catalisador no curto prazo poderia ser o Guggenheim potencialmente confirmando seu investimento em Bitcoin depois de garantir os direitos de investimento no Grayscale Bitcoin Trust em fevereiro.


Fonte: Cointelegraph

0 visualização0 comentário
DOAÇÕES 
BTC: 3HhYh6wwq4SCTu956pt4xLK5J68vCCCbcu
ETH: 0xc154ff56bd8a079baad7bf02eec88c7ffc14abef
LTC: MH97DWVakHvASRNMXgZ3NYcXZpxrmxgx3k
ATM$: ATM-3CEK-S6KE-4JCE-6HFMY
  • Facebook Round
  • Twitter Round
  • Google+ - Black Circle

© WIKICRYPTOMARKET 2018

CNPJ: 08.568.124/0001-80